fbpx
Manutenção

Mecânico e eletricista de corretiva = bombeiro?

By 20 de dezembro de 2018 No Comments

A manutenção corretiva é a estratégia mais antiga de todas. Os equipamentos quebravam e em seguida alguém ia até eles e consertava. Deu certo até o momento que ocorreu o fenômeno da revolução industrial e com isso a necessidade de produzir em grande escala. Com uma demanda bem maior, ter uma máquina parada passou a ser um sinal prejuízo.

Por mais que exista ferramentas de gestão comprovadamente eficazes para evitar uma parada para manutenção, a grande maioria das empresas possuem ainda esta modalidade em suas plantas. E qual é o perfil do profissional que trabalha diretamente com corretiva? Se você gostaria de entender melhor sobre ele fique comigo que já te explicar.

Função do técnico de corretivas

Na grande maioria das empresas a equipe de preventiva é a mesma de corretiva. Não há distinção. Caso haja uma parada inesperada de equipamento eles param tudo o que estão fazendo e partem para colocar a outra máquina para funcionar. Claro, sempre tem uma análise de criticidade antes de tomar esta decisão. Como assim? Vou te dizer: o equipamento que parou é mais importante do que este onde estamos trabalhando? Se a reposta for sim a equipe muda de foco. Normalmente é isso que acontece.

Em grades empresas existe uma diferença entre a equipe de manutenção preventiva e a de corretiva. A preventiva trabalha de acordo com um calendário pré-definido deparadas, o Plano 52 Semanas, e a segunda equipe fica de prontidão aguardando o momento em que algo ocorra e sejam direcionados.

Uma coisa é clara nos dois casos: o foco é sempre trabalhar o mais rápido possível para devolver o equipamento à produção. Claro, sem esquecer segurança.

Perfil do técnico de corretivas

Este profissional normalmente gosta do que faz. Isso porque como a função exige flexibilidade, trabalho sob pressão e alto nível de stress pela necessidade de retomada aos trabalhos, poucos permanecem por muito tempo caso não se identifique. Sim, não é o ideal viver nestas situações. Mesmo assim por muitas vezes é o que acontece, já que o foco é produzir e gerar lucro.

O mantenedor que trabalha nesta equipe precisa ser muito inteligente, ter conhecimento técnico e saber trabalhar com as adversidades. Muitas vezes o ativo volta a produzir com soluções paliativas. Saber o que fazer e como fazer para que a máquina opere até uma segunda oportunidade é de grande importância.

Por vários momentos então o profissional de corretiva é considerado como o bombeiro da manutenção. Aquele que irá resolver as situações de emergência e permitindo que em seguida a produção volte a trabalhar em vôo de cruzeiro.

E você, concorda com o perfil destes profissionais? Conte pra gente!

Igor Silveira

Author Igor Silveira

More posts by Igor Silveira

Leave a Reply

Translate »